Figo 2014 abre espaço para 18 atrações goianas

Texto: Déborah Gouthier

O Festival Internacional de Música em Goiás (Figo) chega a sua segunda edição em 2014 primando pela qualidade musical. Além das atrações nacionais e internacionais, sempre com foco no erudito, jazz, blues e instrumental, o Figo também abre espaço para os talentos regionais, totalizando 18 grupos goianos que se apresentam lado a lado a nomes como Hermeto Pascoal e Septeto Santiaguero.

Por meio de edital público, foram escolhidas doze atrações, divididas entre os palcos de Alto Paraíso, Pirenópolis e Goiânia. A curadoria especializada e independente foi composta pelos seguintes nomes: Luciano Ninomia, vocalista, guitarrista, gaitista e compositor da banda Abluesados; Bororó, que é músico, compositor, arranjador e produtor; Anselmo Guerra, professor da Universidade Federal de Goiás e doutor em Comunicação e Semiótica; e, por fim, o pianista, arranjador e produtor Benjamin Taubkin, que também se apresenta no Figo com o projeto Fronteiras Imaginárias, no dia 20 de setembro.

O edital público para a escolha das bandas definia como critério que os grupos fossem instrumentais, de jazz, blues ou eruditos. Luciano Ninomia ressaltou o mérito dos trabalhos inscritos. “O nosso critério foi a qualidade do material, incluindo a execução, o conjunto, a originalidade, entre outros. Alguns dos grupos nos surpreenderam positivamente pela extrema qualidade”, conta o músico, acrescentando que com um edital, regras claras aos participantes e uma curadoria profissional, a seleção fica amplamente democrática e justa.

Nesse processo, foram escolhidos os grupos Duo Massai, Negróide e Raizama Experimental para as apresentações em Alto Paraíso, nos dias 12 e 13 de setembro. No fim de semana seguinte, em Pirenópolis, os artistas elencados foram Ricardo de Pina Quarteto, Chico Chagas, Jeferson Leite e Trio Gavião, Evaldo Robson Quarteto, Julio Lemos e Gabriel Grossi, Muth Lopes e Banda e Jorge Luiz. Em Goiânia, nos dias 26 e 27, o palco ficará com Assum Trio e Fabiano Chagas Quinteto.

Além destes nomes, se apresentarão também outros seis grupos de atrações regionais, representantes da cultura popular dos municípios que recebem o Figo 2014. Caçada da Rainha de Colinas do Sul, Camerata de Violões de Alto Paraíso de Goiás e Orquestra de Flautas Paulo de Tarso tocam em Alto Paraíso. Em Pirenópolis, os indicados foram o Grupo Euterpe e Flor de Pequi. Por fim, em Goiânia, se apresentam Bake Batuke e Maracatu Alto de Riviera.

Para o membro da curadoria, o fomento à música instrumental e de qualidade feita por meio do Figo é um momento muito interessante. “Não são muitos os espaços que os grupos têm para se apresentar. Com iniciativas como essa, fomenta-se toda a indústria cultural local”, pontua Ninomia.

Apoio e Patrocínios

Sponsor #1